Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




17,67 m

por poesianunorita, em 27.08.08

 

E dai graças, dai graças,

neste tempo abençoado

em que um povo se confunde

com o seu corpo trabalhado.


Dai louvores, dai louvores,

à terra que o lançou

com salpicos de vida pura

e à elegância que nele voou.


Rejubilai, rejubilai,

com a plena confiança

nos seus três saltos de nenúfar,

razão da nossa esperança.


Aclamai, aclamai

o eterno atleta

elevado ao olimpo

pela sua atitude correcta.

 

Obrigado pela alegria que nos ofereceste.


Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 14:10



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog


calendário

Agosto 2008

D S T Q Q S S
12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31