Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




amor...

por poesianunorita, em 24.02.07

Com o gesto que me deste

passei de água a riso,

alargou-se-me o sorriso,

e mantive claro o juízo.

 

Um simples gesto teu,

que merecia chamar-se de santo,

aqueceu-me tanto, tanto,

que secou de vez o meu pranto.

 

e toda a ternura que colhi em ti não cabe neste mundo,

por isso eu trago-a na alma, dentro do meu bolso mais profundo.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 13:33


1 comentário

De Mel de Carvalho a 26.02.2007 às 17:50

"e toda a ternura que colhi em ti
não cabe neste mundo,
por isso eu trago-a na alma,
dentro do meu bolso mais profundo.

Que a Alma é tal secreto Castelo,
sobranceiro ao verde rio,
no azul do Céu projectado...
E por um Dragão guardado ...

Têm quartos mais sobranceiros
e outros de negro ocultados...
É nesses, que meu amor, te escondo
por que te quero, oculta de outros olhares ....

***
Bjs "afilhado" Nuno
Bjs Rita

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog


calendário

Fevereiro 2007

D S T Q Q S S
123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728