Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

vizinho das nuvens

ENTRA E BEBE UM CAFÉ DE POESIA

vizinho das nuvens

ENTRA E BEBE UM CAFÉ DE POESIA

Trazes...

Março 26, 2007

poesianunorita

Trazes no peito um poema

como divisa, como emblema,

trazes também uma flor

porque rima com a palavra amor,

trazes contigo as saudades

próprias de todas as idades,

trazes também as ausências

como chagas, como experiências,

trazes um nome contigo

como um fardo ou como um amigo,

trazes esse corpo curvado

porque a alma tem de estar nalgum lado,

trazes o ser e o sentir

pensando que o melhor ainda há-de vir,

trazes os bolsos cheios

de objectos inúteis e feios,

trazes a cabeça repleta de mar

porque só assim sabes rimar,

trazes na pele sentimentos

e recordações de momentos,

trazes uma dose de timidez

que se revela na tua mudez,

trazes as tuas razões,

verdades e complicações,

trazes o que queres... e o que não queres,

 

mas acima de tudo trazes a minha alma

1 comentário

Comentar post

Visitantes

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2013
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2012
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2011
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2010
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2009
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2008
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2007
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D