Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

vizinho das nuvens

ENTRA E BEBE UM CAFÉ DE POESIA

vizinho das nuvens

ENTRA E BEBE UM CAFÉ DE POESIA

Vem dançar um fado comigo

Novembro 28, 2011

poesianunorita

Vem dançar um fado comigo

porque a valsa não me serve,

encosta em mim esse teu umbigo,

que por ele minha alma ferve.

 

Eu não me ajeito com essas

danças lá dos estrangeiros.

Por favor, mais não me peças,

não aturo mais devaneios.

 

Dizes que o fado não se dança,

que é canção de melancolia,

mas o fado novo tem pujança

e é também canção de alegria.

 

No fado há sentimentos

que podem ser trinados

folhas de vida, momentos

que merecem ser dançados.

 

Dança este fado comigo

porque para valsas não tenho jeito.

Encosta em mim o teu umbigo

e levaremos o mundo no peito.


Visitantes

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2013
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2012
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2011
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2010
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2009
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2008
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2007
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D